Ni Hao Portugal foi aluno por um dia

Dia Aberto da Escola de Medicina Tradicional Chinesa permitiu conhecer melhor este curso.
aluno

Decorreu ontem o Dia Aberto da Escola de Medicina Tradicional Chinesa (ESMTC) – Ser aluno por um dia. Uma “possibilidade de dar a conhecer, junto das pessoas, o que é a Medicina Tradicional Chinesa na realidade e o que são aulas de Medicina Tradicional Chinesa [MTC]”, revelou José Faro, director da ESMTC. Na iniciativa, os participantes foram convidados a serem cobaias nas diversas actividades organizadas pela instituição.  

Todos os anos, a instituição organiza dois dias abertos, um em setembro e outro em abril, para que todos possam conhecer a escola e os cursos.  “Nos dias abertos, nós temos tudo preparado para que hajam demonstrações feitas, tanto pelos alunos dos cursos, como pelos professores de todas as áreas da Medicina Tradicional Chinesa que a escola dispõe”, acrescenta. 

Para a instituição, esta é uma forma de ajudar as pessoas “a sentirem-se confiantes em se inscrever na escola”. Isto porque, para o director, “grande parte das pessoas que costumam vir aos dias abertos costumam se inscrever, o que quer dizer que quando vêm já tomaram praticamente tomaram a decisão”. 

Ontem, as cerca de 30 pessoas deslocaram-se à escola para o Dia Aberto. Na iniciativa, “os convidados tiveram a oportunidade de perceber algumas áreas leccionadas no curso, como a Massagem de Tui Na, as plantas medicinais, o diagnóstico e até a atividade de Chi Kung”. 

Escola de Medicina Tradicional Chinesa (ESMTC)

Há 27 que a ESMTC “aperfeiçoa a transmissão de um saber milenar e o adapta constantemente, como resultado da prática, aos estudantes ocidentais proporcionando a melhor formação a todos os que querem ser Acupuntores e/ou Especialistas de MTC”. 

De acordo com um estudo realizado (M. Carôco, 2014), o índice de empregabilidade dos ex-alunos da MTC é de 80% atualmente, “refletindo a qualidade de ensino que aqui proporcionamos. A excelência tem sido a meta que pretendemos alcançar”. 

Na escola, existem dois períodos de aulas – diurno e nocturno – e as aulas são diárias – 8h30 às 13h30 ou 19h às 23h30. A partir do segundo ano, os alunos têm a oportunidade de estagiar. 

A cada ano, o curso recebe algumas dezenas de alunos. Para este ano, esperam-se, ao todo, cerca de 300 alunos. Para os alunos do primeiro ano, as aulas começam já no mês de outubro. 

Partilhar artigo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Outros Artigos